News nº 3 | Janeiro/Fevereiro de 2009
Mais e Melhor
Estudar Medicina na FMUL - Dia do Candidato 2008
Estudar Medicina na FMUL - Dia do Candidato 2008
José Fernandes e Fernandes, Lilia Louro, Margarida Azevedo, Nuno Rodrigues, Paula Melo, Pedro Marçal, Rodolfo Martins, Sofia Cruz, Sónia Barroso, Carlota Saldanha

Direcção e Gabinete de Planeamento e Avaliação
gpa@fm.ul.pt
(+351) 217985188

Resumo

O porquê, o para quê, e o modo como decorreu pela primeira vez na FMUL o evento “Estudar Medicina na FMUL - Dia do Candidato” será apresentado nesta descrição. Os resultados dos questionários aplicados e os da análise SWOT efectuada permitiram reflectir sobre o que manter e o que mudar para prosseguir com a iniciativa da FMUL “abrir as suas portas” aos alunos do ensino secundário.

Introdução

No ano de 2007-2008, a FMUL recebeu muitas solicitações por parte das escolas do ensino secundário para estar presente nos seminários que realizariam sobre o tema da diversidade de profissões. A fim de darmos resposta procedeu-se à elaboração de material apropriado (brochura, poster, CD com apresentação powerpoint) a distribuir e a apresentar nas escolas. A posterior análise efectuada sobre o funcionamento, conteúdo e vivências dessas presenças revelou dificuldades associadas à coincidência de dias, à distância, ao tempo dispendido nas deslocações e à falta de representantes disponíveis. Estes factores limitaram o número de respostas aos convites das escolas do ensino secundário. O Director da FMUL, Professor José Fernandes e Fernandes, considerou ser de maior abrangência e visibilidade a existência de um dia dedicado a receber os alunos interessados na área das ciências da saúde com curiosidade sobre como se aprende a ser médico. Deste modo, o Director sugeriu a elaboração de um programa para apresentar a FMUL durante um dia a que designou “Estudar Medicina na FMUL - Dia do Candidato”.

Assim com a divisa “Entra! Experimenta o teu futuro.”, a FMUL abriu as suas portas em 03 de Junho de 2008, promovendo o evento Estudar Medicina na FMUL – Dia do Candidato, dirigido a alunos do 12.º ano, que gostariam de candidatar-se ao Mestrado Integrado em Medicina da FMUL. 

Pretendia-se que alunos do ensino secundário tivessem a oportunidade de conhecer um dos maiores centros de ensino médico nacional, interagindo, expondo as suas curiosidades, dúvidas e obter respostas. Foi também uma oportunidade que se ofereceu aos participantes para seleccionarem as instituições de modo informado e reflectido. A divulgação do evento foi efectuada nas Direcções Regionais de Educação, nas Direcções das Escolas Secundárias, no Portais Universia, da UL, da FMUL e nas instalações dos Serviços de Acção Social da UL (Refeitório), através de um programa e de um convite.

Dado o curto espaço de tempo que houve para preparar, divulgar e possibilitar a resposta por parte das escolas, esta iniciativa foi considerada como uma experiência piloto. 

actividades do dia do candidato de 2008

Descrição

A preceder o início do programa de actividades, aplicou-se um questionário aos participantes, sobre a forma como obtiveram informação acerca do evento e sobre quais as suas motivações para a escolha do curso de Medicina. Foi-lhes oferecido um conjunto de informação relativa à FMUL e alguns materiais promocionais. A sessão de boas vindas foi presidida pelo Director da FMUL e a apresentação do programa de actividades esteve a cargo do Presidente da AEFML. Nessa sessão realizaram-se debates sobre o que é Ser médico, com a participação de Professores da FMUL e foram prestados esclarecimentos quanto ao processo de admissão à FMUL.

Os participantes, em grupos de 5 e com a colaboração de tutores Médicos, iniciaram posteriormente um roteiro que os levou a visitar os espaços de ensino-aprendizagem da FMUL, nomeadamente o Teatro Anatómico do Instituto de Anatomia, os modelos de treino do Instituto de Semiótica Clínica, o Anfiteatro Augusto Celestino da Costa como ícon de espaço de ensino teórico, o Laboratório de Práticas Cirúrgicas e de Anestesiologia e Reanimação, a Biblioteca CDI e ainda a Associação de Estudantes.

Após o almoço, os participantes tiveram oportunidade de conhecer as actividades desenvolvidas pela (e na) Associação de Estudantes e conviver com alunos e Investigadores da FMUL. Foram promovidos o diálogo e o esclarecimento de dúvidas sobre a vivência académica, a profissão médica e a investigação, entre os participantes, membros da Associação e tutores médicos. Os participantes assistiram a uma apresentação de testemunhos dos estágios em África, promovidos pela Clínica Universitária de Doenças Infecciosas sob a direcção do Professor Francisco Antunes. Tiveram ainda oportunidade de visitar os stands informativos da FMUL e do Instituto de Medicina Molecular (IMM), e ter acesso a informação disponibilizada por unidades de ensino, investigação e também do Hospital de Santa Maria - Centro Hospitalar Lisboa Norte, que contribuíram com painéis informativos e outros materiais de divulgação. Estava disponível a projecção de informação sobre serviços de apoio ao aluno, investigação em Medicina e vivência académica na FMUL. 



No final da sessão foi aplicado um questionário para avaliar a satisfação dos participantes em relação ao evento e foram apresentados os resultados do questionário efectuado no início da actividade.

Quanto aos resultados obtidos verificamos que, maioritariamente, os participantes:

- Eram originários de escolas dos Distritos de Setúbal e Lisboa;
- Frequentavam instituições de ensino público;
- Obtiveram conhecimento do evento através de portal da FMUL e através de amigos;
- Apontaram como principal razão para participar na iniciativa o poder conhecer as instalações da FMUL;
- Assinalaram como principal razão para escolha do curso o interesse pela área;
- Apontaram como principal razão de possível escolha da FMUL o prestígio da Instituição.

Quanto à avaliação da realização do evento pelos participantes verificamos que maioritariamente:

- Afirmaram-se muito satisfeitos com os conteúdos programáticos do evento;
- Atestaram um elevado nível de satisfação com a organização logística;
- Consideraram que a principal mais-valia da participação no evento, foi a possibilidade de interagir com docentes, investigadores e alunos da FMUL;
- Apontaram como principal razão que os poderá levar a escolher a FMUL, a qualidade de ensino que ministra.

Transcrevem-se de seguida algumas das observações que julgamos mais representativas dos objectivos atingidos por esta iniciativa:


imagens dos candidatosFiquei ainda mais convencido de que, na eventualidade de conseguir uma média suficiente, ingressar na FMUL será uma óptima escolha”. 

Considero que foi fundamental para me decidir acerca da minha ordem de escolhas de Universidades para frequentar o curso de Medicina”.

Foi fundamental para esclarecer as minhas dúvidas e fundamentar as minhas opções relativamente à escolha da Faculdade”. 

Foi muito importante na minha decisão futura, tanto a nível de carreira como da universidade a escolher”. 


Conclusão

Esta experiência piloto revelou-se positiva, nomeadamente, por ter incentivado a comunicação e a abertura de perspectivas, possibilitado a partilha de vivências sobre “ser médico” e “estudar medicina”. Foi indicativa de prossecução, acentuando que o tempo de divulgação do evento deve ser alargado de modo a permitir às escolas adaptarem o desenrolar do programa com o dia dedicado a este acontecimento e/ou adquirirem o apoio financeiro necessário à deslocação dos participantes. A data do evento deve ser escolhida de modo a contemplar a existência de funcionamento do ano lectivo na FMUL e a escolaridade livre de avaliações do ensino secundário. O tempo destinado às actividades programadas para a parte da tarde, que não permitiu que os participantes observassem os expositores com a devida atenção, e a não ocorrência do total de visitas a espaços de ensino - aprendizagem da parte da manhã, constituíram os pontos que não permitiram a perfeição do evento. É, assim, necessário uma cuidada programação logística do tempo que ocupa cada actividade.

Este evento foi supervisionado pelo Director da FMUL Professor Doutor José Fernandes e Fernandes, planeado e executado pela equipa formada por:

- Professora Doutora Carlota Saldanha (Coordenação)
- Mestre Lilia Louro, GRP
- Lic. Margarida Azevedo, GRP
- Lic. Nuno Rodrigues, GPA
- Lic. Paula Melo, CP
- Lic. Pedro Marçal, GPA
- Lic. Rodolfo Martins, GAPAE
- Lic. Sofia Cruz, GAAME
- Mestre Sónia Barroso, GAPIC
Pesquisa

Pesquise sobre todas as newsletters já publicadas pela FMUL

  PESQUISAR 

Subscrição

Subscreva a nossa Newsletter e receba todas as informações actualizadas sobre actividades, notícias, eventos e outras acções relevantes da FMUL

  

  ENVIAR 

Propriedade e Edição: Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa
Periodicidade: Mensal
Diretor: Prof. Doutor Fausto J. Pinto
Conselho Editorial: Prof. Doutor Fausto J. Pinto, Prof. Doutor Mamede de Carvalho, Profª. Doutora Ana Sebastião, Prof. Doutor António Vaz Carneiro, Prof. Doutor Miguel Castanho, Dr. Luis Pereira
Gestor de Informação: Ana Raquel Moreira
Equipa Editorial: Ana Cristina Mota, Ana Raquel Moreira, André Silva, Maria de Lurdes Barata, Rui Gomes, Sónia Barroso
Colaboração: Unidade de Relações Públicas e Comunicação - Bruno Moura
Conceção e Suporte Técnico: UTI 
Design e Implementação: Spirituc
e-mail: news@medicina.ulisboa.pt
Morada e Sede da Redação: Avenida Prof. Egas Moniz, 1649-028 Lisboa


Estatuto Editorial


Anotado na ERC