Susana Henriques
Biblioteca-CDI
susanahenriques@fm.ul.pt 










Decorreu no passado dia 14 de Outubro, na aula Magna da FMUL, uma sessão de apresentação do Repositório da Universidade de Lisboa – Repositório.UL, debatendo o tema: “Produção Científica da FMUL em «Open Access» ”: Como consultar? Como colaborar? 

A sessão foi presidida pelo Subdirector da FMUL, Prof. Miguel Castanho e pelo Pró-reitor Prof. Pedro Veiga, contando ainda com a colaboração do Professor Bibliotecário, Prof. António Vaz Carneiro, e da equipa do Repositório.UL. 

O Repositório.UL tem por objectivos armazenar, preservar e difundir a produção científica da Instituição, contribuindo para:
- Promover o acesso livre e contribuir para aumentar o impacto da investigação desenvolvida na Universidade de Lisboa;
- Incrementar a visibilidade e acessibilidade da produção científica e facilitar a gestão da informação sobre a sua produção científica;
- Contribuir para aumentar a visibilidade da UL, e dos que nela trabalham, servindo como indicador tangível da sua qualidade e da relevância científica, económica e social das suas actividades de investigação e ensino;
- Preservar a memória intelectual da UL.

O Repositório.UL. integra-se no crescente movimento de constituição de repositórios e arquivos de livre acesso, no quadro do Open Access Initiative, e em projectos nacionais como o RCAAP (Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal), que reúne mais de 48.000 documentos provenientes de vários repositórios científicos nacionais. 

Dos temas abordados destacam-se as questões inerentes à disponibilização de conteúdos num repositório institucional, nomeadamente políticas de depósito, políticas editoriais e direitos de autor. 

Com as sessões de esclarecimento, a equipa do Repositório.UL apela à sensibilização de toda a comunidade científica para a importância da colaboração de todos, no depósito dos trabalhos resultantes da sua actividade de investigação, nomeadamente: teses de doutoramento, dissertações de mestrado, artigos de revistas científicas nacionais e internacionais, comunicações em congressos e conferências, apostando na promoção da visibilidade e do reconhecimento da Instituição e dos seus investigadores.