As recentes notícias sobre graves problemas de toxicidade de uma molécula dos Laboratórios Bial que estava a ser estudada em França recomendam que se forneçam informações sobre o processo de desenvolvimento de medicamentos inovadores

Para a maior parte das pessoas, o primeiro contacto com um medicamento realiza-se ao balcão de uma farmácia: pede-se o que se necessita, recebe-se a respetiva embalagem, toma-se o medicamento e espera-se que o problema se solucione.



















A rotineira relação com os medicamentos parece ser natural e quase se acredita que os medicamentos vêm de uma qualquer fábrica, semelhante à que faz sapatos ou computadores, em que a maior parte do processo – do desenho à conceção - é local.

Nada mais afastado da realidade.

Veja o Artigo completo AQUI